Home / Concelhias

Concelhias


Carregal do Sal

Carregal do Sal é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 5 500 habitantes.

É sede de um município com 116,89 km² de área[1] e 9 835 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 5 freguesias.[4] O município é limitado a Nordeste pelo município de Nelas, a Sueste por Oliveira do Hospital e por Tábua, a Oeste por Santa Comba Dão, a Noroeste por Tondela e a Norte por Viseu.

Paulo Catalino

Presidente: Paulo Catalino

Email: carregal.sal@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/pscarregal/

Castro Daire

Castro Daire (antigamente, também se verificava a grafia Castro D'Aire) é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 4 600 habitantes.

É sede de um município com 379,04 km² de área e 15 339 habitantes (2011),[1] subdividido em 16 freguesias. O município é limitado a norte pelos municípios de CinfãesResendeLamego e Tarouca, a leste por Vila Nova de Paiva, a sul por Viseu, a sudoeste por São Pedro do Sul e a oeste por Arouca.

Eurico Moita

Presidente: Eurico Moita

Email: castro.daire@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/CastroDaireMaiseMelhor/

Cinfães

Cinfães é uma vila portuguesa no Distrito de ViseuRegião Norte e sub-região do Tâmega, com cerca de 3 300 habitantes.

É sede de um município com 239,29 km² de área[1] e 20 427 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 14 freguesias.[4] O município é limitado a norte pelos municípios de Marco de Canaveses e Baião, a leste por Resende, a sul por Castro Daire e Arouca e a oeste por Castelo de Paiva.

Sua história está ligada aos Cavaleiros Templários, que aqui possuiram fortalezas, como a Torre da Chã ou a Torre dos Pintos; e também a história da infância de El-Rei D. Afonso Henriques e seu aio Egas Moniz.

Possui um importante património edificado, destacando-se as igrejas românicas, como a Igreja de São Cristóvão de Nogueira; a Igreja da Senhora de Cales ou Cádiz, entre muitas outras.

Tem como conhecido Tozé dono dos morangos (ator principal das obras cinematográficas "Caça aos morangos #1" e "Tozé o fugitivo")

Armando Mourisco

Presidente: Armando Mourisco

Email: cinfaes@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/pscinfaes/

Lamego

Lamego é uma cidade portuguesa no Distrito de ViseuRegião Norte e sub-região do Douro, com cerca de 12 214 habitantes[1] (2011) sendo a segunda maior cidade do distrito.[carece de fontes] O município está situado na margem sul do rio Douro, fazia parte da província tradicional de Trás-os-Montes e Alto Douro e, segundo alguns, fazia parte da Beira Transmontana, da qual era a principal cidade. Considerada uma cidade histórica e monumental, pois possui uma grande quantidade de monumentos, igrejas e casas brasonadas, sendo também uma diocese portuguesa.

É sede de um município com 165,42 km² de área[2] e 26 691 habitantes (2011),[3][4] subdividido em 18 freguesias.[5] O município é limitado a norte pelos municípios de Mesão Frio e Peso da Régua, a leste por Armamar, a sueste por Tarouca, a sudoeste por Castro Daire e a oeste por Resende.

Desde sempre aqui se fez uma feira muito frequentada por múltiplas gentes, chegando até comerciantes e feirantes Ciganos de Córdova. O comércio era animado na Rua Nova, onde se estabeleceram muitos judeus,construindo a Sinagoga junto às Portas do Sol.

Manuel Ferreira

Presidente: Manuel Ferreira

Email: lamego@ps.pt

Site: https://www.facebook.com/pslamego/

Mangualde

Mangualde é uma cidade portuguesa do Distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 7 300 habitantes.[1]É a terceira maior cidade do Distrito de Viseu.

É sede de um município com 219,26 km² de área[2] e 19 880 habitantes (2011),[3][4] subdividido em 12 freguesias.[5] O município é limitado a norte pelo município de Penalva do Castelo, a leste por Fornos de Algodres, a sueste por Gouveia, a sul por Seia, a sudoeste por Nelas e a noroeste por Viseu.

Em 1102 foi concedido foral ao concelho pelo Conde D. Henrique. Até ao século XIX designou-se Azurara da Beira...

Rui Costa

Presidente: Rui Costa

Email: mangualde@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/psmangualde/

Moimenta da Beira

Moimenta da Beira é uma vila portuguesa no Distrito de ViseuRegião Norte e sub-região do Douro, com cerca de 2 800 habitantes.

É sede de um município com 219,97 km² de área[1] e 10 212 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 16 freguesias.[4] O município é limitado a nordeste pelo município de Tabuaço, a sueste por Sernancelhe, a sul por Sátão, a sudoeste por Vila Nova de Paiva, a oeste por Castro Daire, a noroeste por Tarouca e a norte por Armamar.

Mortágua

Mortágua é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Baixo Mondego, com 1 153 habitantes.[1]

É sede de um município com 251,18 km² de área[2] e 9 607 habitantes (2011),[3][4] subdividido em 7 freguesias.[5] O município é limitado a norte pelo município de Águeda, a nordeste por Tondela, a leste por Santa Comba Dão, a sul por Penacova e a oeste pela Mealhada e por Anadia. Está integrado na Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra.

Ricardo Pardal

Presidente: Ricardo Pardal

Email: mortagua@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/psmortagua

Nelas

Nelas é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 4 700 habitantes.

É sede de um município com 125,71 km² de área[1] e 14 037 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 7 freguesias.[4] O município é limitado a nordeste pelo município de Mangualde, a sueste por Seia e Oliveira do Hospital, a oeste por Carregal do Sal e a noroeste por Viseu. O concelho designou-se Senhorim até 9 de dezembro de 1852, quando a sede passou do Folhadal para Nelas.

Luís Maia Rodrigues

Presidente: Luís Maia Rodrigues

Email: nelas@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/PSNelas

Resende

Resende é uma vila portuguesa no Distrito de Viseuregião do Norte e sub-região do Tâmega, com cerca de 3 100 habitantes.

É sede de um concelho com 123,35 km² de área[2] e 11 364 habitantes (2011),[3][4] subdividido em 11 freguesias.[5] O concelho é limitado a norte pelos concelhos de Baião e Mesão Frio, a leste por Lamego, a sul por Castro Daire e a oeste por Cinfães.

Resende é um concelho com grande variedade gastronomia desde doces e salgados até enchidos.

Destacam-se as cavacas e as falachas de Arêgos.

Jorge Caetano

Presidente: Jorge Caetano

Email: resende@ps.pt

Santa Comba Dão

Santa Comba Dão é uma cidade portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 3 400 habitantes.[2] Enquadrada entre os rios Dão e Mondego, encontra-se entre as cidades de Viseu e Coimbra, sensivelmente equidistante de ambas.

É sede de um município com 111,95 km² de área[3] e 11 597 habitantes (2011),[4][5] subdividido em 6 freguesias.[6] O município é limitado a norte pelo município de Tondela, a leste por Carregal do Sal, a sueste por Tábua, a sul por Penacova e a oeste por Mortágua.

Foi elevada à categoria de cidade em 1999.

César Branquinho

Presidente: César Branquinho

Email: santa.comba.dao@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/psscdao/

São Pedro do Sul

São Pedro do Sul é uma cidade portuguesa do Distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 3 600 habitantes.

É sede de um município com 348,68 km² de área e 16 851 habitantes (2011), subdividido em 14 freguesias.[1] O município é limitado a nordeste pelo município de Castro Daire, a sueste por Viseu, a sul por Vouzela, a sul e oeste por Oliveira de Frades (porção norte), a oeste por Vale de Cambra e a noroeste por Arouca.

Rui Almeida

Presidente: Rui Almeida

Email: sao.pedro.sul@ps.pt

Sátão

Sátão é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 4 000 habitantes.

É sede de um município com 201,94 km² de área[1] e 12 444 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 9 freguesias.[4] O município é limitado a norte pelos municípios de Moimenta da Beira e Sernancelhe, a leste por Aguiar da Beira, a sul por Penalva do Castelo, a oeste por Viseu e a noroeste por Vila Nova de Paiva.

Sátão denomina-se a Capital do Míscaro

Carlos Rodrigues

Presidente: Carlos Rodrigues

Email: satao@ps.pt

Tarouca

Tarouca é uma cidade portuguesa no Distrito de ViseuRegião Norte e sub-região do Douro, com cerca de 3 500 habitantes.

Foi elevada a cidade em 9 de Dezembro de 2004.

É sede de um município com 100,08 km² de área[1] e 8 048 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 7 freguesias.[4] O município é limitado a nordeste pelo município de Armamar, a leste por Moimenta da Beira, a sudoeste por Castro Daire, a sul por Vila Nova de Paiva e a oeste por Lamego.

Bruno Cardoso

Presidente: Bruno Cardoso

Email: tarouca@ps.pt

Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100016577887433

Viseu

Viseu é uma cidade portuguesa do distrito homónimo, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões, com cerca de 68000 habitantes[1], sendo a segunda maior cidade da região do Centro de Portugal depois de Coimbra.

É sede de um concelho com 507,10 km² de área[2] e 99 274 habitantes (2011),[1][3] dividido em 25 freguesias.[4] Viseu é centro da Comunidade Intermunicipal de Viseu Dão Lafões, composta por 14 municípios e servindo uma população de cerca de 270 000 habitantes. Este é limitado a norte pelo concelho de Castro Daire, a nordeste por Vila Nova de Paiva, a leste por Sátão e Penalva do Castelo, a sudeste por Mangualde e Nelas, a sul por Carregal do Sal, a sudoeste por Tondela, a oeste por Vouzela e a noroeste por São Pedro do Sul. Para além de sede de distrito e de concelho, Viseu é igualmente sede de diocese e de comarca.

Segundo um inquérito de opinião organizado pela DECO de 2007 sobre qualidade de vida, Viseu é a 17ª. cidade europeia com maior qualidade de vida entre as 76 do estudo, sendo ainda a primeira das 18 cidades capitais de distrito portuguesas com melhor qualidade de vida.[5] Em 2012 foi considerada, mais uma vez, a cidade portuguesa com melhor qualidade de vida.[6] 2017 é o ano oficial para visitar Viseu. Em 2018, Viseu é "Cidade Europeia do Folclore".

Lúcia Araújo Silva

Presidente: Lúcia Araújo Silva

Email: viseu@ps.pt

Site: http://www.psviseu.com/

Facebook: https://www.facebook.com/PartidoSocialistaConcelhiaDeViseu

Vouzela

Vouzela é uma vila portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Altaregião do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Dão-Lafões. Fica a 30 km de Viseu, a 60 km de Aveiro, a 2 km das Termas de São Pedro do Sul, a pouco mais de uma hora do Porto e a aproximadamente três horas de Lisboa.

É sede de um município com 193,69 km² de área[1] e 10 564 habitantes (2011),[2][3] subdividido em 9 freguesias.[4] O município é limitado a norte pelo município de São Pedro do Sul, a leste por Viseu, a sul por Tondelae pela porção secundária de Oliveira de Frades, a sudoeste por Águeda e a noroeste pela porção principal de Oliveira de Frades.

É fácil chegar a este concelho quer via A25 quer através das Estradas Nacionais N16N228N333 e N333-3.

O concelho tem origem no antigo concelho de Lafões, do qual era uma das duas sedes, juntamente com São Pedro do Sul. Em 1836, Lafões foi repartido entre Vouzela e São Pedro do Sul.

O município de Vouzela, criou em 2015 a marca institucional "Vouzela - o Coração do Centro". A nova imagem tem o formato de um coração, composto por vários elementos geométricos que constroem a marca no seu todo e na sua plenitude, destacando-se o elemento fora do coração, que é o elemento que “falta” a Vouzela, o elemento que complementa o nosso território, essa peça é cada novo residente, visitante, investidor ou estudante. Também o tipo de letra é único no mundo, desenvolvido exclusivamente para esta nova marca, inspirado na antiga ponte do comboio existente na Vila, sendo também um tipo de letra ecológico, pois o facto de ser microperfurado permite reduzir em 50% os níveis de consumo de tinta no momento da impressão [1]

90% da área do concelho ardeu a 15 de outubro de 2017.

Gilberto Carmo

Presidente: Gilberto Carmo

Email: vouzela@ps.pt